Fiat Zona de iniciantes
Fazer Login
Academia de CoinEx

Entenda a diferença entre trade e trader

2023-04-23 01:54:46

Descubra a diferença por trás desses termos, que são essenciais no mundo financeiro e saiba como eles são aplicados no mercado cripto

O mercado financeiro, principalmente o de criptomoedas, está repleto de termos novos que parecem confusos para quem está começando a investir. Dois desses termos são “trade” e “trader”. Por mais que sejam semelhantes, há uma diferença entre essas palavras e seus conceitos.

Entender a diferença entre ambos é fundamental para quem busca consumir mais conteúdos de cripto e está aprendendo a investir. Neste artigo, você aprenderá sobre os conceitos, suas principais diferenças e entenderá de uma vez por todas cada um de seus respectivos significados.

O que é trade

Trade é frequentemente usado para se referir à compra e venda de criptomoedas ou de outros ativos financeiros como ações, commodities e derivativos. Normalmente, este termo é utilizado em estratégias, cujo investidor direciona sua atenção ao preço da moeda. 

Os métodos de trade vão além das negociações, uma vez que envolvem modalidades variadas, como position trade, day trade, swing trade ou scalping. Vale ressaltar que essa negociação que chamamos de “trade” envolve a compra e venda de criptomoedas a curto prazo, visando o lucro que obterá em algumas horas, dias, semanas ou até meses.

Modalidades de trade existentes

As categorias que envolvem as estratégias de trade são: 

  • Position trade: um parâmetro que aproveita os ciclos e tendências do mercado durante semanas ou meses.
  • Swing trade: a negociação que foca na análise técnica e gráfica para oportunidades de curto prazo, visualizando rupturas, canais e movimentos que podem ser aproveitados.
  • Day trade: uma das modalidades mais conhecidas, mesmo quem está iniciando no mercado provavelmente já deve ter ouvido falar no termo. São negociações feitas no mesmo dia.
  • Scalping: uma técnica realizada em questão de minutos, visando obter pequenos lucros com as variações de preço.

Significado e diferença entre trade e trader

O trader é o investidor que toma as decisões de compra e venda para obter lucro em suas operações. Para ser um bom trader é importante buscar conhecimento técnico, analisar o histórico do ativo e as movimentações do mercado para obter bons resultados. 

Por ser um mercado volátil, o trader pode acabar sofrendo perdas ao longo de suas negociações. Por isso, vale pesquisar, analisar o ativo, o projeto e a evolução ao longo dos anos antes de investir.

O trader pode realizar outras atividades além das operações diárias, como a análise de mercado, o gerenciamento de risco ou a gestão de portfólio. A diferença entre trade e trader pode ser visualmente pequena, mas ambos os termos são essenciais para o mercado financeiro.

A diferença entre as palavras está relacionada apenas ao responsável pela operação. Enquanto trade é a negociação em si, o significado de trader é atribuído a pessoa que faz a operação de comprar e vender determinado ativo digital. 

Como se tornar um trader?

Agora que você já compreendeu que o trader é o profissional que faz as negociações de curto prazo, é importante saber que não é necessária uma formação específica para atuar como trader profissional, basta muito estudo, conhecimento técnico e expertise para análise gráfica. 

Para se tornar um trader algumas soft skills precisam ser adotadas, a primeira é o planejamento estratégico que será utilizado junto a ferramenta de análise de mercado. 

Lembre-se que o mercado de criptomoedas é mais imprevisível e mais volátil do que o de finanças tradicionais, logo ele exige além da análise técnica uma análise fundamentalista, sendo necessário aprender alguns conceitos relacionados à oferta e demanda, observando sempre os topos e os fundos, fique de olho nas médias móveis e busque identificar as possíveis tendências. Também é necessário estudar o projeto, seu roadmap e seus fundamentos.

Além disso, a inteligência emocional também é necessária para manter a racionalidade durante as análises. Não negocie a partir das emoções, porque os riscos são altos e a ideia é minimizá-los com decisões mais assertivas e qualificadas. 

Faz parte da rotina de um trader mensurar os riscos, ter um portfólio diversificado, efetuar análises diárias e buscar conhecimento e aprimoramento constantemente para evoluir a cada negociação.

Conclusão

Compreender a diferença entre os termos auxilia no aprendizado que terá daqui em diante para se tornar um investidor cada vez mais experiente no mercado cripto. É necessário conhecer as estratégias, os riscos e as particularidades de cada criptomoeda para obter sucesso.

Além disso, vale fazer uma análise de seu perfil de investidor para saber se este tipo de investimento é adequado para você. É preciso planejamento e preparação para investir e negociar a curto prazo. Procure também conhecer mais sobre você, trabalhar o emocional, entender a hora de parar e estabelecer limites para a perda. Afinal, o trader precisa de sabedoria e estratégia para receber os lucros e minimizar as perdas.

De qualquer forma, por ser um mercado volátil, é um ambiente que exige conhecimento sólido para começar a investir. Para isso, a CoinEx está constantemente criando conteúdos que possam auxiliar em sua jornada de conhecimento e investimento.

Artigo Passado
Análise do mercado: Como saber se o bitcoin vai subir ou cair?
Artigo Próximo
Do zero a um favorito do mercado: KAS teve sorte ou prosperou como deveria?